Buscar

4 lugares legais de gastronomia em Florianópolis

Oiii gurias, como estão?

Hoje eu venho com um post de lugares legais em Florianópolis para comer.

Eu sou a louca da comida, aceito todos os convites se eu sei que vai ter algo nem que seja para beliscar kk


E como eu estive em Floripa no início do mês, conheci alguns lugares e queria compartilhar com vocês.


Eu queria começar com a Casa de Chá Mayara Pauli.

Descobri essa casa de chá na internet mesmo, e só vendo as fotos eu já me apaixonei e fiquei louca pra ir.

Além dos chás tem váriosss doces e salgados de dar água na boca!

O ambiente é MARAVILHOSO.

Adorei conhecer e com toda certeza é um lugar que eu faço questão de voltar.



Minha segunda dica é a praia Santo Antônio da Lisboa.

Eu e meu namorado fomos lá passear no domingo e aproveitamos para almoçar.

GURIAS, tem vários restaurantes na beira no mar, (vocês vão ver nas fotos, o mar estava bem pertinho de nós), com uma vista que eu nem sei explicar de tão linda.

Os preços eram ok, pelo fato de estar em um lugar muito lindo.

Comemos uma isca de peixe, pastel e tomamos uma cerveja artesanal.

Acredito que nem deve ter dado R$100,00 pro casal.

Além dos restaurantes serem muito legais, tem uma mini feirinha com os artesanatos da cultura local.



Terceira dica é o mercado público.

Não é nem pela comida que eu quis ir lá, e sim por remeter a história.

Por ser um dos principais pontos turísticos da cidade ele é valorizado como patrimônio artístico, histórico e arquitetônico da Ilha de Santa Catarina. A sua história começa antes mesmo da construção de qualquer estrutura física, entre os séculos XVII e XIX os Ilhéus, donos de barraquinhas, comercializavam diversos tipos de produtos na praia em frente à atual praça XV de Novembro, entrada da cidade.

Teve um episódio mais dramático em toda a história do mercado aconteceu no dia 19 de agosto do ano de 2005, onde um forte incêndio se alastrou por todo interior da ala norte, que teve que ser reconstruída.

A última grande reforma do mercado público foi iniciada em novembro de 2013 e finalizada recentemente, no dia 5 de agosto de 2015. O Mercado teve que ser praticamente reconstruído, preservando-se os mesmo conceitos arquitetônicos antigos.


Ele tem mil opções de restaurantes, fomos em um deles que não vou lembrar o nome.

A comida era boa, tinha música ao vivo.

Mas tem algumas opções ao ar livre, que será nossa próxima parada quando voltarmos lá hehe.



E por fim, fomos também na hamburgueria Madero.

Ela fica dentro de um centro tecnológico e junto tem a primavera Garden, que é uma floricultura enorme, com diversas opções de flores e eu que amo fiquei completamente apaixonada. Tem uma sorveteria e na frente dela, tem um lugar cheio de opções de restaurantes. E um pouco mais pra frente tem um restaurante por kilo.

O clima é maravilhoso.