Buscar

MEU DESFILE DE FORMATURA.


Oi gurias, hoje eu venho falar um pouquinho da minha coleção de formatura.

No curso de tecnologia em Design de Moda na UFN.

Nós estudantes, devemos criar uma coleção que será o nosso Trabalho Final de Graduação.

Para criar a coleção, devemos nos inspirar em alguma coisa, em algum acontecimento, filme... ENFIM.

Sabendo disso, eu escolhi a modelo Twiggy para ser a minha inspiração.

' Segundo Lilian Pacce, a modelo Twiggy era extremamente magra, ela foi a primeira modelo com ar de abandonada a fazer sucesso na moda. Sua magreza provocou bulimia nas meninas de sua geração, complexadas diante do novo mito que tinha carinha de Bambi, cílios postiços marcados em tufos e cabelo curto que realçava sua aparência andrógina.'

Com isso eu quis desenvolver uma coleção de roupas femininas casuais primavera/verão 2019, que visa dar ênfase nas tendências que a modelo Twiggy usava na década de 1960, porém dando um novo viés para as mesmas, trazendo uma moda atual para o público alvo, mas sem esquecer a essência da moda dos anos 1960. Com base no nosso público alvo jovem, a mini saia é a peça que estará mais presente nessa coleção, a Mary Quant foi a estilista britânica na década de 1960 que foi a responsável pela criação da minissaia. Os vestidos com a modelagem “triângulo” também marcaram a década de 1960. Então foi desenvolvido 200 esboços, onde depois a banca selecionou 50, e desses 50 foram escolhidos 12 para então ser a coleção final.

Desses desenhos eu decidi desenvolver 2, para o meu desfile e queria contar um pouquinho para vocês.

Primeiro, quis trazer cores. Decidi trazer as peças que usavam na época porem com muita cor.

E as vezes quis trazer os tecidos da época, porém com peças diferentes..

Com isso desenvolvi uma saia longa rosa pink ( que era muito usado nos anos 1960 ) com o vichy.


E o segundo look, eu quis desconstruir a alfaitaria.

Então criei uma pantalona, com uns detalhes tipo de bolso com um top.